Acupuntura

O que é Acupuntura?

A Acupuntura é uma técnica milenar de inserção de agulhas, sobre os pontos dos canais onde transita a energia vital do corpo humano. Indicado no combate e tratamento de diversas enfermidades do corpo e da mente. A acupuntura tem sido, ao longo dos anos, um recurso terapêutico eficaz no tratamento da dor. Mas não é só. Por meio dela é possível tratamento e cura de diversas doenças dos sistemas musculoesquelético, respiratório, neurológico e digestório, além de auxiliar no tratamento da obesidade, da depressão e do estresse e também de algumas afecções dermatológicas.

A Organização Mundial da Saúde lista mais de 40 doenças para as quais a Acupuntura é indicada.

Para os chineses tradicionais existem cerca de 300 doenças tratáveis por Acupuntura, entre elas, sinusite, rinite, resfriado, faringite, amigdalite aguda, zumbido, dor no peito, palpitações, enfizema, bronquite crônica, asma brônquica, alterações menstruais, cólica menstrual, lombalgia durante a gravidez, ansiedade, depressão, insônia, mal-estar provocado pela quimioterapia, dores associadas com câncer, tendinites, fibromialgia, dores pós-cirúrgicas, síndrome complexa de dor regional, dermatites, gastrite, úlcera gástrica, úlcera duodenal, colites, diarréia, constipação, cefaléias, enxaqueca, paralisia facial, seqüelas de acidente vascular cerebral, lombalgia, ciatalgia, artrose, artrite, entre tantas outras.

Tempo de recuperação mais rápido.

A acupuntura aumenta a circulação do sangue na área lesionada e acelera a recuperação dos tecidos, ou seja, quanto antes você receber tratamento para alguma lesão, provavelmente, melhor será o resultado. Muitas pessoas tem insererido acupuntura em sua rotina para antes e depois de corridas ou eventos grandes, pois os ajuda a preparar o corpo antes, e depois, os ajuda com a musculatura dolorida.

Acupuntura ajuda a deixar de lado os maus hábitos.

A acupuntura é bem reconhecida quando o assunto é lidar com um vício e, de fato, ela é usada em muitos pacientes em centros de recuperação como parte de um plano de tratamento. Também pode ser usada para ajudar a largar o cigarro ou para lidar com excessos na hora de comer. Também é ótima para ajudar a diminuir a duração e a intensidade dos sintomas de descontinuação para pacientes que, com o suporte e auxilio do médico, estão tentando parar de usar medicamentos antidepressivos ou outros medicamentos com sintomas de abstinência difíceis.